sábado, março 07, 2015

Devo Entregar a Deus a Preocupação Natural porque Ele Sabe tudo de que eu Preciso


Dt 7.6 Porque povo santo és ao SENHOR, teu Deus; o SENHOR, teu Deus, te escolheu, para que lhe fosses o seu povo próprio, de todos os povos que sobre a terra há. 7.9 Saberás, pois, que o SENHOR, teu Deus, é Deus, o Deus fiel, que guarda o concerto e a misericórdia até mil gerações aos que o amam e guardam os seus mandamentos; 7.15 E o SENHOR de ti desviará toda enfermidade; sobre ti não porá nenhuma das más doenças dos egípcios, que bem sabes; antes, as porá sobre todos os que te aborrecem. 7.17 Se disseres no teu coração: Estas nações são mais numerosas do que eu; como as poderei lançar fora? 7.18 Delas não tenhas temor; não deixes de te lembrar do que o SENHOR, teu Deus, fez a Faraó e a todos os egípcios; 7.20 E mais: o SENHOR, teu Deus, entre eles mandará vespões, até que pereçam os que ficarem e se escondam de diante de ti. 7.21 Não te espantes diante deles, porque o SENHOR, teu Deus, está no meio de ti, Deus grande e terrível. 2 Cr 32.20 Porém o rei Ezequias e o profeta Isaías, filho de Amoz, oraram por causa disso e clamaram ao céu. 32.21 Então, o SENHOR enviou um anjo que destruiu todos os varões valentes, e os príncipes, e os chefes no arraial do rei da Assíria; e este tornou com vergonha de rosto à sua terra; e, entrando na casa de seu deus, os mesmos que descenderam dele o mataram ali à espada. Sl 32.1 Bem-aventurado aquele cuja transgressão é perdoada, e cujo pecado é coberto. 32.2 Bem-aventurado o homem a quem o SENHOR não imputa maldade, e em cujo espírito não há engano. 32.3 Enquanto eu me calei, envelheceram os meus ossos pelo meu bramido em todo o dia. 32.4 Porque de dia e de noite a tua mão pesava sobre mim; o meu humor se tornou em sequidão de estio. (Selá) 32.5 Confessei-te o meu pecado e a minha maldade não encobri; dizia eu: Confessarei ao SENHOR as minhas transgressões; e tu perdoaste a maldade do meu pecado. (Selá) 32.6 Pelo que todo aquele que é santo orará a ti, a tempo de te poder achar; até no transbordar de muitas águas, estas a ele não chegarão. 32.7 Tu és o lugar em que me escondo; tu me preservas da angústia; tu me cinges de alegres cantos de livramento. (Selá) 32.8 Instruir-te-ei e ensinar-te-ei o caminho que deves seguir; guiar-te-ei com os meus olhos. 32.11 Alegrai-vos no SENHOR e regozijai-vos, vós, os justos; e cantai alegremente todos vós que sois retos de coração. 46.10 Aquietai-vos e sabei que eu sou Deus; serei exaltado entre as nações; serei exaltado sobre a terra. 55.16 Mas eu invocarei a Deus, e o SENHOR me salvará. 55.17 De tarde, e de manhã, e ao meio-dia, orarei; e clamarei, e ele ouvirá a minha voz. 55.22 Lança o teu cuidado sobre o SENHOR, e ele te susterá; nunca permitirá que o justo seja abalado. 57.1 Tem misericórdia de mim, ó Deus, tem misericórdia de mim, porque a minha alma confia em ti; e à sombra das tuas asas me abrigo, até que passem as calamidades. 57.3 Ele dos céus enviará seu auxílio e me salvará do desprezo daquele que procurava devorar-me (Selá). Deus enviará a sua misericórdia e a sua verdade. 57.5 Sê exaltado, ó Deus, sobre os céus; seja a tua glória sobre toda a terra. 125.1 Os que confiam no SENHOR serão como o monte Sião, que não se abala, mas permanece para sempre. 125.2 Como estão os montes à roda de Jerusalém, assim o SENHOR está em volta do seu povo, desde agora e para sempre. 125.4 Faze bem, ó SENHOR, aos bons e aos que são retos de coração. 146.3 Não confieis em príncipes nem em filhos de homens, em quem não há salvação. 146.4 Sai-lhes o espírito, e eles tornam para sua terra; naquele mesmo dia, perecem os seus pensamentos. 146.5 Bem-aventurado aquele que tem o Deus de Jacó por seu auxílio e cuja esperança está posta no SENHOR, seu Deus, 146.10 O SENHOR reinará eternamente; o teu Deus, ó Sião, é de geração em geração. Louvai ao SENHOR! Pv 3.4 e acharás graça e bom entendimento aos olhos de Deus e dos homens. 3.5 Confia no SENHOR de todo o teu coração e não te estribes no teu próprio entendimento. 3.8 Isso será remédio para o teu umbigo e medula para os teus ossos. 3.19 O SENHOR, com sabedoria, fundou a terra; preparou os céus com inteligência. 3.26 Porque o SENHOR será a tua esperança e guardará os teus pés de serem presos. 3.27 Não detenhas dos seus donos o bem, estando na tua mão poder fazê-lo. 14.8 A sabedoria do prudente é entender o seu caminho, mas a estultícia dos tolos é enganar. (eu nasci fui aqui e ali, cheguei até aqui, se não mudar de direção vou viver com o Senhor Jesus Cristo) 14.15 O simples dá crédito a cada palavra, mas o prudente atenta para os seus passos. (pelo fruto se verá se a árvore é boa) 14.16 O sábio teme e desvia-se do mal, mas o tolo encoleriza-se e dá-se por seguro. (Mt 4:7; Mc 16:18; Lc 4:17-20, 29,30 ser prudente é não fazer coisas com o meu corpo pensando que neste mundo Deus, que é Espírito virá com os seus anjos para me ajudar em todo o tempo, Deus É o dono de Tudo, É a pessoa mais importante do universo, sou eu que devo ser prudente. Se Deus me ocultar com os seus anjos, como creio que aconteceu com Jesus na Galileia, então devo agradecer, porque Deus nada faz por acaso, não foi por acaso que foi dado a Jesus o livro do profeta Isaías. Então devo lembrar-me que tenho um corpo humano. Eis um exemplo: Eu tive um desastre, em que um carro grande veio bater-me numa perna mas Deus deu-me sabedoria para saltar para cima da parte dianteira e não morri, se tivesse sido prudente, verificava que o sinal de trânsito estava vermelho para mim. Devo agir como adulto não precisando sempre da ajuda dos anjos de Deus, Jesus fugiu daqueles que o queriam apedrejar, foi prudente, Ele podia ter pedido aos anjos que o protegessem, mas preferiu retirar-se) Pv 14.18 Os simples herdarão a estultícia, mas os prudentes se coroarão de conhecimento. 14.24 A coroa dos sábios é a sua riqueza, a estultícia dos tolos é só estultícia. 14.26 No temor do SENHOR, há firme confiança, e ele será um refúgio para seus filhos. 14.27 O temor do SENHOR é uma fonte de vida para preservar dos laços da morte. 14.29 O longânimo é grande em entendimento, mas o de ânimo precipitado exalta a loucura. (para que uma pessoa seja longânime, bondosa e animada é necessário ter o entendimento que vem de Deus e da sua palavra) 14.30 O coração com saúde é a vida da carne, mas a inveja é a podridão dos ossos. 16.1 Do homem são as preparações do coração, mas do SENHOR, a resposta da boca. 16.2 Todos os caminhos do homem são limpos aos seus olhos, mas o SENHOR pesa os espíritos. 16.3 Confia ao SENHOR as tuas obras, e teus pensamentos serão estabelecidos. (Exemplo: Pai Celestial confio que tudo de bom que fiz e farei foi inspirado por Ti, portanto tudo te entrego e tudo te te agradeço, em nome do Senhor Jesus Cristo) 16.4 O SENHOR fez todas as coisas para os seus próprios fins e até ao ímpio, para o dia do mal. 16.7 Sendo os caminhos do homem agradáveis ao SENHOR, até a seus inimigos faz que tenham paz com ele. 16.20 O que atenta prudentemente para a palavra achará o bem, e o que confia no SENHOR será bem-aventurado. 28.6 Melhor é o pobre que anda na sua sinceridade do que o de caminhos perversos, ainda que seja rico. 28.9 O que desvia os seus ouvidos de ouvir a lei, até a sua oração será abominável. 28.10 O que faz com que os retos se desviem para um mau caminho, ele mesmo cairá na sua cova; mas os sinceros herdarão o bem. 28.11 O homem rico é sábio aos seus próprios olhos; mas o pobre que é sábio o examina. 28.21 Ter respeito à aparência de pessoas não é bom, porque até por um bocado de pão o homem prevaricará. 28.24 O que rouba a seu pai ou a sua mãe e diz: Não há transgressão, companheiro é do destruidor. 28.27 O que dá ao pobre não terá necessidade, mas o que esconde os olhos terá muitas maldições.

Sem comentários:

Aleluia eu Conheço Jesus

fé é o oposto do medo, temos fé no Deus que conhecemos e temos medo do que não conhecemos. Estudemos as palavras e actos do Senhor Jesus ...