quinta-feira, junho 03, 2010

As Consequências da Transgressão da Lei de Deus


Qualquer que Atentar para Cobiçar


A nossa intenção é meditar sobre as consequências da transgressão da lei, em relação à cobiça.
Se alguém desejar possuir as coisas do seu próximo, isso gera problemas.
Se um pai tem dois filhos, de quatro e seis anos de idade, eles estão atentos à possibilidade de o pai agir injustamente, se ele der uma maçã a um e não der ao outro, o que recebeu menos fica zangado, e até pode chorar.
Até os animais, cães, macacos, ou outros estão atentos ao facto de o seu dono ser injusto, dando mais comida, a uns do que a outros.
O povo de Israel, cobiçava coisas que seriam para o seu mal, e Deus avisou-os, do facto de só Ele ser o verdadeiro Deus, e portanto não deviam desejar servir, os deuses dos outros povos, nem a prata e o seu ouro, que estavam com esses deuses falsos.
Mas desde a queda do Adão, o diabo procura enganar o ser humano, por isso devo pedir a Deus que me ensine a viver de acordo com a Sua lei, e que desvie o meu espírito dos desejos ilícitos, e os meus olhos de verem coisas que poderiam desejar, mas não deveriam fazê-lo, porque as consequências seriam más, por serem uma transgressão à lei de Deus, e uma vergonha perante as outras pessoas.
Mas posso desejar com zelo, os melhores dons para servir a igreja de Deus, Posso desejar um caminho ainda mais excelente, que é o caminho do amor, e posso desejar que chova na minha terra, e posso desejar o sol, posso desejar o que Deus dá para todos, amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança Etc..
Não devo cobiçar aquilo que é da outra pessoa, não devo cobiçar a sua vida, o seu sangue, a vida do seu corpo, as suas casas, os seus bens materiais, porque, se o fizer, a minha alma ficará presa pelo diabo, e o meu corpo também poderá ser metido em instalações prisionais pelas autoridades da nação.
Se não tenho ainda o que preciso, e não tenho maneira de o obter através do trabalho, é melhor pedir a Deus, e aos homens do que ir roubar.
Devo afastar-me dos que não querem trabalhar, Devo seguir a Deus, e não devo seguir a ideia de que devo ser rico, devo buscar ao meu Criador em primeiro lugar, se Deus quiser pode dar-me riquezas, mas é a Ele que devo seguir, fazendo a Sua palavra revelada e escrita, e louvando-O por tudo o que já me deu, pela sua graça, porque eu, sem Jesus Cristo, nada merecia, e nada poderia fazer.
Amarás ao teu próximo como a ti mesmo, esta é a razão que me deve levar a viver em santidade, e a perdoar, e a não cobiçar as coisas que já pertencem a outras pessoas, crendo que Deus também me dará o que Ele predestinou dar-me, no tempo por Ele predestinado.
Devo pedir, em nome de Jesus Cristo, aquilo que preciso, e devo perseverar em me encher da palavra de Deus, assim terei a fé que vem dela, e receberei tudo o que pedir ou reivindicar, e também o Espírito de Deus, vencerá sobre o meu eu natural, que quer impor-se pondo no meu corpo sintomas de enfermidade e outros, e lutando contra o Espírito de Deus que habita em mim, e me guia.


Ex 20:17; Não cobiçarás a casa do teu próximo, não cobiçarás a mulher do teu próximo, nem o seu servo, nem a sua serva, nem o seu boi, nem o seu jumento, nem coisa alguma do teu próximo.
Dt 5:21; Não cobiçarás a mulher do teu próximo; e não desejarás a casa do teu próximo, nem o seu campo, nem o seu servo, nem a sua serva, nem o seu boi, nem o seu jumento, nem coisa alguma do teu próximo.
Dt 7:25; As imagens de escultura dos seus deuses queimarás a fogo; a prata e o ouro que estão sobre elas não cobiçarás, nem os tomarás para ti, para que não te enlaces neles; pois abominação é ao Senhor teu Deus.
Js 7:21; Quando vi entre os despojos uma boa capa babilónica, e duzentos siclos de prata, e uma cunha de ouro, do peso de cinquenta siclos, cobicei-os e tomei-os; e eis que estão escondidos na terra, no meio da minha tenda, e a prata debaixo dela.
Sl 106:14; Mas deixaram-se levar da cobiça no deserto, e tentaram a Deus na solidão.
Sl 119:36; Inclina o meu coração aos teus testemunhos, e não à cobiça.
Pv 1:19; Tais são as veredas de todo aquele que se entrega à cobiça: ela prenderá a alma dos que a possuem.
Pv 15:27; O que se dá à cobiça perturba a sua casa, mas o que aborrece as dádivas viverá.
Pv 28:16; O príncipe falto de inteligência também multiplica as opressões, mas o que aborrece a avareza prolongará seus dias.
Ec 6:9; Melhor é a vista dos olhos do que o vaguear da cobiça; também isto é vaidade e aflição de espírito.
Is 32:7; Também todas os instrumentos do avarento são maus; ele maquina invenções malignas, para destruir os mansos com palavras falsas, mesmo quando o pobre chega a falar retamente.
Isa 57:17; Pela iniquidade da sua avareza me indignei, e os feri; escondi-me, e indignei-me; mas, rebeldes, seguiram o caminho do seu coração.
Jr 6:13; Porque desde o menor deles até ao maior, cada um se dá à avareza; e desde o profeta até ao sacerdote, cada um usa de falsidade.
Jr 22:17; Mas os teus olhos e o teu coração não atentam senão para a tua avareza, e para o sangue inocente, e para praticar a opressão, e a violência, afim de levar isso a efeito.
Ez 22:12; Presentes receberam no meio de ti para se derramar sangue; usura e lucros tomaste, usaste de avareza com o teu próximo, oprimindo-o; mas de mim te esqueceste, diz o Senhor Jeová.
Os 4:10; Comerão, mas não se fartarão; entregar-se-ão à luxúria, mas não se multiplicarão; porque deixaram de olhar para o Senhor.
Mat 5:28; Eu, porém, vos digo, que qualquer que atentar numa mulher para a cobiçar, já em seu coração cometeu adultério com ela.
Mc 7:22; Os furtos, a avareza, as maldades, o engano, a dissolução, a inveja, a blasfémia, a soberba, a loucura.
Lc 12:15; E disse-lhes: Acautelai-vos e guardai-vos da avareza; porque a vida de qualquer não consiste na abundância do que possui.
At 20:33; De ninguém cobicei a prata, nem o ouro, nem o vestido.
Rm 1:29; Estando cheios de toda a iniquidade, prostituição, malícia, avareza, maldade; cheios de inveja, homicídio, contenda, engano, malignidade;
Rm 7:7; Que diremos pois? É a lei pecado? De modo nenhum. Mas eu não conheci o pecado senão pela lei; porque eu não conheceria a concupiscência, se a lei não dissesse: Não cobiçarás.
Rm 13:9; Com efeito: Não adulterarás, não matarás, não furtarás, não darás falso testemunho, não cobiçarás; e se há algum outro mandamento, tudo nesta palavra se resume: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo.
1Co 5:11; Mas agora vos escrevi que não vos associeis com aquele que, dizendo-se irmão, for devasso, ou avarento, ou idólatra, ou maldizente, ou beberrão, ou roubador; com o tal nem ainda comais.
1Co 12:31; Portanto, procurai com zelo os melhores dons; e eu vos mostrarei um caminho ainda mais excelente.
2Co 2:10; E a quem perdoardes alguma coisa, também eu; porque, o que eu também perdoei, se é que tenho perdoado, por amor de vós o fiz na presença de Cristo; para que não sejamos vencidos por Satanás;
2Co 7:2; Recebei-nos em vossos corações; a ninguém agravamos, a ninguém corrompemos, de ninguém buscámos o nosso proveito.
2Co 11:2; Porque estou zeloso de vós com zelo de Deus; porque vos tenho preparado para vos apresentar como uma virgem pura a um marido, a saber, a Cristo.
Gl 5:17; Porque a carne cobiça contra o Espírito, e o Espírito contra a carne; e estes opõem-se um ao outro, para que não façais o que quereis.
Ef 5:3; Mas a prostituição, e toda a impureza ou avareza, nem ainda se nomeie entre vós, como convém a santos;
Fp 3:6; Segundo o zelo, perseguidor da igreja, segundo a justiça que há na lei, irrepreensível.
Cl 3:5; Mortificai, pois, os vossos membros, que estão sobre a terra: a prostituição, a impureza, o apetite desordenado, a vil concupiscência, e a avareza, que é idolatria;
1Ts 2:6; E não buscámos glória dos homens, nem de vós, nem de outros, ainda que podíamos, como apóstolos de Cristo, ser-vos pesados;
1Tm 3:3; Não dado ao vinho, não espancador, não cobiçoso de torpe ganância, mas moderado, não contencioso, não avarento;
1Tm 6:10; Porque o amor do dinheiro é a raiz de toda a espécie de males; e nessa cobiça alguns se desviaram da fé, e se traspassaram a si mesmos com muitas dores.
2Tm 3:4; Traidores, obstinados, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus,
Tt 3:3; Porque também nós éramos noutro tempo insensatos, desobedientes, extraviados, servindo a várias concupiscências e deleites, vivendo em malícia e inveja, odiosos, odiando-nos uns aos outros.
Hb 2:1; PORTANTO, convém-nos atentar com mais diligência para as coisas que já temos ouvido, para que em tempo algum nos desviemos delas.
Hb 13:5; Sejam vossos costumes sem avareza, contentando-vos com o que tendes; porque ele disse: Não te deixarei, nem te desampararei.
Hb 13:14; Porque não temos aqui cidade permanente, mas buscamos a futura.
Tg 4:2; Cobiçais, e nada tendes; matais, e sois invejosos, e cobiçosos, e nada podeis alcançar; combateis e guerreais, e nada tendes, porque nada pedis.
2Pd 2:13; Recebendo o galardão da injustiça; pois que tais homens têm prazer nos deleites quotidianos; nódoas são eles e máculas, deleitando-se em seus enganos, quando se banqueteiam convosco;

Meditámos sobre o que não devemos desejar, e o que devemos desejar e quais as consequências.
Se desejarmos, e fizermos o bem, primeiro recebendo o Senhor Jesus Cristo, como nosso Rei, Senhor e Salvador, então teremos a vida eterna ligados com o nosso Salvador Jesus Cristo.

Uma Murmuração

Anciãos ou Presbíteros Eram os mesmos que os Bispos (Comentários estão entre parêntesis e tiveram a ajuda da Sociedade Religiosa Edições V...