sábado, maio 12, 2007

Sabe como Pode ser Próspero?

1


A Revelação do Caminho da Vitória e da Prosperidade


Jr 33:6; Deus mostra o caminho da abundância, da paz e da verdade, também dá inspiração e fé para que o crente semeie do pouco que ainda tem.
1 Rs 17:12-16; Assim como a viúva de Sarepta que dividiu com o profeta Elias da farinha e do azeite que mal chegava para si mesma. Esta manifestação de fé levou Deus a fazer que a farinha não acabasse e o azeite não faltasse até que veio a chuva proporcionando a sementeira e a prosperidade.
2 Rs 4:1-7; Outra viúva que só tinha uma botija de azeite, agiu movida pela palavra de Deus. Então pediu aos seus vizinhos muitos vasos vasios, fechou-se na sua casa e começou a vasar o azeite que Deus ia multiplicando. Enquanto houve vasos vasios o Criador não parou de aumentar o azeite.
1 Co 1:7-9; Porque ela esperava a manifestação do seu fiel Salvador que promete dar tudo a quem Nele espera e vive no Seu amor e santidade.
Gl 1:12; O nosso Salvador Jesus Cristo revela-nos a melhor maneira de obter bens materiais e espirituais.
Ef 1:16,17; Ele nos revela tudo pelo Seu Santo Espírito, que recebo agora e eternamente, porque sou um membro do corpo de Jesus, estou ligado Nele como uma vara na videira.
1 Pd 1:13; E espero inteiramente na Sua graça.
Mt 11:25; A qual Ele dá aos humildes que lavam os pés aos servos de Deus, que os amam com o Amor do Seu Criador, porque já estão mortos para o seu próprio afecto imperfeito.
1 Jo 4:18; Tanto a viúva de Sarepta como a outra viúva de que escrevemos acima usaram o amor de Deus para obedecerem aos profetas por isso o espírito de medo fugiu e o Espírito de amor do Altíssimo agiu.
Ec 5:19; Porque é o nosso Criador que nos dá todos os bens materiais e também nos dá sabedoria para os usarmos com o seu amor, e sem medo de que Ele pare de nos dar cada vez mais.
Is 45:3; Hb 11:6; Ele nos dá as riquezas para que saibamos que Ele existe, nos chama pelo nosso próprio nome e É galardoador dos que O buscam.
Jr 17:11; Ele É absolutamente justo e nós devemos imitá-Lo por isso todos os nossos bens materias devem ser obtidos de forma justa no caminho da verdade.
Ez 28:1-10; Devemos amar mais o Espírito de Deus do que o nosso próprio espírito e devemos reconhecer que fomos criados pelo eterno Altíssimo, Ele É o único dono da Sua Criação.
Mt 6:19-34; Lc 12:13-34; Dt 15:9; Pv 28:22; Devemos servi-Lo, Fazendo-o como um acto de adoração e devemos considerar que estamos mortos, para a nossa natural preocupação de ajuntarmos tesouros na terra; não devemos fazer disso a nossa principal preocupação, devemos estar mais preocupados com o Deus da nossa salvação.
1 Co 12:1-11; Ef 4:11; Primeiro devemos receber Jesus como nosso Salvador e então devemos fazer o que Ele nos mandar, uns serão apóstolos, outros serão profetas, evangelistas, pastores e outros serão doutores e outros terão outros dons, mas tudo deve resultar da acção do Espírito do filho unigénito do nosso Criador, porque agora pertencemos ao Seu Reino, não devemos actuar como o mundo faz.
Mt 13:22; Senão seríamos como a pequena semente que é sufocada pela raíz dos espinhos e nunca poderíamos agradar ao nosso Criador, não poderíamos salvar outras pessoas e não teríamos força para dar um bom testemunho do nosso Salvador.

2
1 Cr 29:5-14; Para Fazer a Vontade do Nosso Pai Celestial é Necessário Devolver-Lhe Algo do Que Ele nos Deu


Deus tudo criou com abundância, nos tem dado a Sua benção, nós temos contribuído para o avanço do Reino Dele e por isso podemos alegrar-nos e podemos adorá-Lo dizendo-Lhe que Ele é santo e que estamos firmes na fé do Seu filho unigénito.
Sl 12:1-10; Pv 19:17; 2 Co 9:6; Fp 4:19;Assim nos sentimos bem porque temos muito prazer em fazer o que Ele nos manda. Então o nosso Criador continuará a abençoar-nos porque somos justos para com Ele, também somos piedosos e misericordiosos para com o nosso próximo porque vivemos na luz do Único Deus eterno.
Quando uma pessoa não nos puder pagar o que nos pediu emprestado, podemos perdoar-lhe a dívida na certeza de que Deus nos irá pagar.
Então porque estamos firmes na palavra do nosso Criador, estamos estáveis na rocha espiritual da fé, venceremos o medo e conseguiremos obter vitória sobre os nossos inimigos.
Temos poder financeiro para semearmos cada vez mais no Reino do nosso Pai celestial e por consequência também recebemos poder e sabedoria para ceifarmos cada vez maiores quantidades de bens materiais. Vivemos desta maneira para glorificarmos o nosso Salvador que morreu na cruz, em nosso lugar, e ressuscitou para nos livrar de todo o mal.
1Tm 6:17-19; Ele nos deu a vida eterna porque estamos mortos para a nossa própria vida e para a nossa vontade, então não devemos pensar que os bens materiais são mais importantes do que Deus, porque é Ele que nos dá todas as coisas e sem Ele, nada podemos fazer.

3
Sigamos o Exemplo do Abraão


Gn 13:1,2, 7-18; Rm 4:18-20; Ele era um homem muito rico, mas confiava no seu Criador, até mesmo confiava que se, o seu sobrinho Lot escolhesse ir para a esquerda ele iria para a direita porque acreditava que Deus dirigia todo esse processo. Ele ouvia a voz do único Criador e faria a Sua vontade, mesmo que ainda não fosse rico em bens materiais.
Ele usava a fé que o Deus da Glória lhe tinha dado mesmo quando o que desejava parecia ser impossível. Ele não perdia tempo pensando nas aparências que o levariam a duvidar, mas dizia o seguinte:
Glória ao Teu nome meu Criador porque eu não confio nas aparências, só confio na Tua palavra, estou morto para a doença, tristeza e pobreza, e estou vivo para a saúde, alegria e riqueza que o Cordeiro de Deus ganhou para mim.
Sl 1:1-3; Abraão tinha prazer na palavra do Altíssimo e nela meditava de dia e de noite e por isso prosperava em tudo quanto fazia.
Sl 112:3-8; Abraão viveu há cerca de quatro mil anos e até hoje, 23-02-2006 DC, nele se fala porque o seu espírito estava bem firmado na rocha da fé, que é o filho unigénito do nosso Criador.
1 Tm 6:7-10,17,18; Ele sabia que todos os bens materiais que possuía, pertenciam ao planeta terra e que quando morresse não os podia levar e nem neles mandar. Por isso ele preferia ter comunhão com o Altíssimo a Quem ele podia levar quando fosse chamado para dar contas ao seu Criador.
Abraão vivia descansado, sem se esforçar para ser rico, mas o facto de ser fiel a Deus fazia que tudo lhe corresse bem. como ele amava ao seu Criador queria fazer só a Sua vontade, como não amava os bens materiais utlizava-os para fazer bem a todos mas principalmente aos domésticos da fé. Abraão não era altivo, nem punha a sua esperança nas riquezas, a sua confiança estava no seu pai celestial, por isso era uma pessoa comunicável.
Dt 8:18,19; Os 2:8; Sl 52:7; Ele sabia bem que tudo o que possuía era devido à sabedoria que Deus lhe dava e não se esquecia de Lhe agradecer todos os dias da sua vida.
Mc 10:24; Abraão se submetia cem por cento ao seu Criador, portanto não era dominado pelos seus bens materiais que possuía em abundância.

4
Mas Há Alguns que Ainda não se Firmaram na Rocha da Fé


Rm 10:17-1; Os que ainda não são como o Abraão, precisam de aprender a firmar-se na Rocha da fé que é a palavra de Deus, e devem querer obedecer ao seu Criador, recebendo o Messias verdadeiro, como seu Salvador.
Lc 6:20; Se o fizerem, isso deve ser motivo de alegria, porque já têm a parte mais importante, já têm o filho unigénito de Deus como seu Rei eterno.
Tg 5:11; Jb 1:1; 41:1-6; Ez 14:20; O altíssimo os abençoará como fez a um homem que vivia na terra de Uz cujo nome era Job, era sincero, recto e temente a Deus, ele desviava-se do mal, mas só quando o Espírito de Deus fez que ele se humilhasse perante o seu Criador, é que se converteu e teve a revelação da santidade e poder do Altíssimo, então usufruiu das riquezas espirituais e materiais, e veio a ter o dobro dos bens materias que possuía antes.
Muitos são ricos em bens materiais, mas não têm as riquezas espirituais, tais como a vida eterna, paz com Deus e muito mais.
Ap 1:5; 3:17,18; 7:13; 12:11; Is 55:1; Rm 5:8,9; Ef 1:7; Cl 1:20; Hb 9:12; 13:20; 1 Pd 1:18,19; Porque a salvação não é por meio de ouro ou prata mas é pelo sangue do Messias verdadeiro.

Receberemos um Novo Corpo

(Gn 1:1-4; Rm 5:5; 8:11,14,26; 15:19; 1 Co 15:50-58; Sl 119:25,107,149,154,156; 143:11; 2 Co 3:6; Jo 14:17,26; 15:26; 16:13;20:22; Is 53:4,...