sexta-feira, março 28, 2008

Deus dá-nos de Graça porque Alguém já Pagou


Cheguemo-nos ao Trono da Graça

Hb 4:14-16; Estou a dizer que os filhos de Deus têm um grande sumo sacerdote, Jesus Filho de Deus, que penetrou nos céus, Ele compadece-se das nossas fraquezas, porque também Ele foi tentado em tudo, mas sem pecado, portanto devemos chegar-nos com confiança ao trono da graça, para que possamos alcançar misericórdia e graça, afim de sermos ajudados em tempo oportuno. Estou a dizer isto para iniciarmos um estudo sobre oração; agora é o tempo conveniente; um filho deve sempre aprender com o seu pai e deve receber dele o que ele prometeu; quanto mais estudarmos este assunto melhor para nós.
Mt 5:44; 6:5; 14:23; 19:13-15; Mc 16:18; At 13:3; 1 Tm 4:14; 1 Pd 5:6; Ap 1:17; Devemos orar pelos que nos maltratam e nos perseguem, e não devemos fingir que somos mais importantes que as outras pessoas, só porque oramos em público, podemos imitar ao nosso Salvador, que orava sozinho, no alto do monte.
Podemos permitir que Deus use as nossas mãos para orarmos pelos enfermos, para enviarmos missionários, para transmitirmos dons espirituais, enfim para abençoar como o nosso Mestre fazia impondo as mãos sobre os meninos.
Mt 24:20; 26:14, 36-47; 26:69-75; 27:1-5; Jo 21:15-19; 1 Jo 1:8-10; Devemos pedir a Deus que abençoe o nosso futuro, devemos, orar não só cinco minutos, mas muito mais, não é errado dizer as mesmas palavras várias vezes, desde que o façamos no alvo de recebermos uma resposta urgente; o Judas Iscariotes só chegou depois da oração de Jesus Cristo; Judas arrependeu-se de ter entregue o seu Mestre, mas em vez de ter pedido perdão a Deus, foi-se enforcar; mas Pedro arrependeu-se de ter negado o seu Mestre e foi perdoado, e foi feito um pastor, das ovelhas de Deus, mas o Judas deixou-se enganar e caíu em tentação, Jesus Cristo disse: vigiai e orai para que não entreis em tentação. O Pedro só morreu no tempo próprio, mas glorificou a Deus com a sua morte. A nossa vida e a nossa morte, devem ser ordenadas por Deus, e com a vida e com a morte devemos gloficar o nosso Pai celestial.

Receberemos um Novo Corpo

(Gn 1:1-4; Rm 5:5; 8:11,14,26; 15:19; 1 Co 15:50-58; Sl 119:25,107,149,154,156; 143:11; 2 Co 3:6; Jo 14:17,26; 15:26; 16:13;20:22; Is 53:4,...