terça-feira, junho 06, 2006




A Avó Chateada com o Avô
Porque é que a avó estava aborrecida com aquele que a acompanha há trinta e quatro anos?
Ele é o seu marido que tem perdoado as imperfeições dela, e ela tem perdoado, as dele.
Rm 8:28; ... Sabemos que todas as coisas contribuem juntamente, para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados pelo decreto do seu Criador.
O caso foi o seguinte:
Dois dias antes de os seus netos ficarem ao cuidado dos avós, depois de sairem do infantáro, aconteceu algo inesperado. O que foi?
Milhares de formigas vieram do pequeno quintal, com dois metros de superfície, e estavam entrando pela casa. Então o avô que cuida geralmente dos problemas dos tubos de água, da electricidade e de tudo o que sejam reparações, resolveu o mistério colocando, na entrada do quintal para a sua casa, um pó composto de propoxur 1% e de subst. inertes 99%, produzido pela "Baygon" da família da "Johnson". Este pó afastou as formigas e deu o resultado esperado.
Mas qual foi então o problema que causou o aborrecimento da avó?
Aconteceu o seguinte:
Os seu neto de seis de idade, sua neta de três, e a sua neta de dez, foram brincar para o quintal onde tinha sido posto o pó para matar as formigas, mas o avô já tinha varrido o pó, apanhado, com pá e vassoura e tinha lavado a entrada com esfregão e água, e também todo o quintal. Mas o avô aconselhou a avó a fechar a porta para evitar que acontecesse algum mal aos seus netos, ela achou melhor deixá-los à sua vontade com a porta do quintal aberta. O avô foi mais prudente.
O que aconteceu?
A neta mais nova começou a chorar, esfregava os olhos e não deixava que os lavassem. Então a avó recebeu o seguinte pensamento.
A minha neta sujou as mãos com o pó de matar formigas, esfregou-o nos seus próprios olhos e agora, vamos ter um grande problema o qual eu já tinha previsto.
Envenenada com este pensamento, recebeu outro que dizia o seguinte:
O teu marido é o culpado, se ele não tivesse posto ali o pó, nada disto teria acontecido. Então ela disse ao marido disse o seguinte:
Tu não fazes nada do que eu te digo, só sabes fazer asneiras, vê lá se morres depressa, agora o que é que vamos fazer? Antes disto ela estava preocupada porque a "Segurança Social" não deu quase nada para pagar o funeral da sua irmã, por ter pertencido à caixa rural.
Então o marido respondeu o seguinte:
Tu és estúpida e parva, estás a culpar-me injustamente, eu já tinha lavado o pó, é impossível que essa seja a causa do problema dos olhos da miúda.
A avó dizia o seguinte:
A parte de baixo das fitas da cortina da porta do quintal, que é feita de plástico seco, aí podia ter ficado algum pó que ela podia ter metido nos olhos. Procurava ela defender a sua tese numa atitude bastante antipática.
O avô, já envenenado pelas palavras e modos de sua esposa, respondeu o seguinte:
É impossível porque eles gostam de brincar com o meio das fitas, à altura da sua cabeça, nunca iam brincar com as extremidades inferiores.
Depois de lavados os olhos a miúda parou de chorar, no outro dia o avô telefonou à sua nora e confirmou que tudo estava bem com os olhos da sua neta.
Que é que o avô pode aprender com isto?
Ele pode pensar que sua esposa é imprudente porque devia ter fechado a porta, mas tudo isto pode ter sido planeado pelo seu espírito, para poder castigar o seu marido, por algo que ela acha que ele fez mal.
O facto de andar sempre a queixar-se, em vez de falar da solução, tornou-se um hábito, ela fala do problema e manda a culpa para cima do seu marido.
Jesus ensinou o seguinte:
Mt 5:44; ...Amai os vossos inimigos, bendizei os que vos maldizem, fazei bem aos que vos odeiam, e orai pelos que vos maltratam e vos perseguem;
Mt 10:36,38; ... Os inimigos do homem serão os seus familiares. Quem não toma a sua cruz, (querem matar-nos, como fizeram a Jesus) e não segue após mim, não é digno de mim.
S. Paulo ensinou o seguinte:
2 Ts 2:10-15; ... Não o tenhais como inimigo, mas admoestai-o como irmão ... O Senhor seja com todos vós.
2 Tm 3:1-5; ... Nos últimos dias...haverá homens amantes de si mesmos... mais amigos dos deleites do que amigos de Deus.
Rm 7:1-4; ...A mulher que está sujeita ao marido enquanto ele viver...será chamada adúltera se for de outro marido.
1 Co 7:10-17; ...A mulher não se aparte do marido e vice-versa, se o fizerem fiquem sem casar.
Se um homem crente estiver casado com uma mulher descrente, não a deixe e vice-versa, mas se o descrente quizer separar-se, que se separe para que vivam em paz.
...Cada um fique no estado matrimonial em que estava, quando recebeu Jesus como Salvador.
O marido deve pedir a Deus que o ajude a perdoar e a amar a sua esposa e vice-versa.

Receberemos um Novo Corpo

(Gn 1:1-4; Rm 5:5; 8:11,14,26; 15:19; 1 Co 15:50-58; Sl 119:25,107,149,154,156; 143:11; 2 Co 3:6; Jo 14:17,26; 15:26; 16:13;20:22; Is 53:4,...